Translate this Page
Enquete
Qual assunto você prefere ?
Mesas de Som
Microfones
Equalizadores
Frequências
Caixas Acusticas
Ver Resultados

ONLINE
2



 

 


OVERS

 

 

 

Over (= por cima) designa um tipo de microfone em formato de tubo, com cápsulas condensadoras, cardióides e todos precisando de energia (na maioria, Phantom Power). Nos Estados Unidos, chamam esse microfone de "pencil type", ou seja, "tipo caneta". Existem vários exemplos:

- Le Son MP-68PH, sensibilidade –48dB. Funciona com uma pilha AA. Preço médio: R$ 250,00
- TSI C-3, sensibilidade –45dB. Funciona com pilha AA ou Phantom Power. Preço por volta de R$ 250,00 (mais caro que o Le-Son, mas vem com case de proteção em alumínio).
- Samson C02, sensibilidade –40dB. Preço médio de R$ 350,00  o par (só é vendido aos pares)
- Behringer C2, sensibilidade –41dB. Preço médio do par: R$ 280,00

É muito comum ver esses microfones captando os pratos e a ambiência de baterias acústicas. Mas nada impede que sejam utilizados para outros fins.

Os microfones tem características parecidas com os microfones para corais. Eles também servem para captação de muitas vozes ou instrumentos ao mesmo tempo, dada sua alta sensiblidade. E apresentam, dentre suas inúmeras vantagens, um preço bem mais acessível.

Vantagens
Mais robustos que os microfones para coral, com quase as mesmas características, apesar da sensibilidade ser um menor, na média. Ainda assim, são pequenos e fáceis de carregar.


Como são microfones que captam várias fontes sonoras ao mesmo tempo, pode-se usar um pequeno número de microfones e mesa de som de poucos canais. A economia com cabos e canais de mesa de som compensa facilmente o seu custo.

A sensiblidade mais baixa e o fato de serem todos cardióides ajuda a diminuir a ocorrência de microfonias e vazamentos. Em compensação, serão utilizados mais microfones que os modelos para coral.

Forma de uso
Como tem a sensibilidade um pouco mais baixa e são cardióides, um microfone desses vai captar um menor número de vozes ou instrumentos, em relação aos outros tipos de microfone para coral vistos no artigo anterior. Por exemplo, em testes que já realizamos, um Le Son MP-68 chega a captar até 8 vozes, enquanto um Samson C02 chega a captar 10 a 20 vozes. Evidente que isso varia de caso a caso. Até mesmo a disposição dos cantores e/ou músicos em relação ao microfone altera essa conta.


Em locais com boa acústica, podem ser usados em pedestais, por cima do coral ou dos músicos, de forma a captar uma boa quantidade deles. Em locais com acústica ruim, devem estar ainda em pedestais, mas na altura da  fonte sonora, captando uma quantidade menor de fontes. Exigem um certo espaço para a montagem do pedestal e adequação da posição.

Para quem for usá-los para captação de corais, o ideal é colocar as pessoas que cantam com menos volume de voz mais próximas do microfone, e as que cantam com volume mais forte devem estar mais afastadas, compensando assim as diferenças de volume com a varaição da distância. Quanto ao posicionamento, o ideal seria colocar todos os cantores em formação de  meia-lua ao redor do microfone.

Desvantagens
Como são microfones para coral, é necessário evitar abrir zíper de Bíblia, folhear coletâneas e hinários, conversar, etc. Tudo isso será captado pelo microfone. Os usuários precisam ser instruídos quanto a isso.

Um detalhe pequeno mas importante: são microfones para serem usados em pedestais. Acertar microfones com os cantores sentados é uma coisa, em pé é outra completamente diferente. Uma vez acertada a posição, o grupo de cantores deverá sempre cantar na mesma posição. Isso é menos crítico para músicos, que sempre tocam na mesma posição.

Outras informações
Alguns desses microfones, por serem projetados principalmente para captação de pratos de bateria, tem resposta de graves atenuada, com ênfase nos médios e agudos, o que os torna melhores para vozes femininas que masculinas. O Behringer C2 (em menor grau) e o Le Son MP-68 (em maior grau) são exemplos disso.

Em comparação com os microfones de coral do artigo anterior, já dá para usar esses microfones em eventos, emlocais com acústica não tão boa.  

O Edu Silva, que organiza o www.audiolist.org, o maior fórum de sonorização profissional do Brasil, deu uma verdadeira aula sobre microfonação de corais. Ele ensina como microfonar 40 vozes com apenas 4 microfones, em um ginásio (!!!), e dá outros macetes e detalhes. Confira em:

http://audiolist.org/forum/kb.php?mode=article&k=95